terça-feira, 30 de junho de 2009

CHOVE CHUVA COLORIDA

Pois é. Cada dia é cada dia, cada cabeça uma ideia, e as ideias permeiram um universo que é só delas, palavra nenhuma consegue representar. Cada coisa no mundo é uma coisa nova, e cada coisa nova é, pra gente de mente curta que é a gente, uma coisa que não se dá. Mas deu. Pense em chuva... o que você imaginou é muito parecido com água, núvens escuras e pesadas.

Eu vi uma chuva que não era de água. Era de sonhos, uma chuva toda de arcoíris. Acho que só eu vi, mas eu guardei um pouco dela. Acima você vê caindo as se7e cores. Clique na imagem, amplie. Você pode não entender, não acreditar... dizer que não, que não se chove cores coloridas de uma núvem branca atrás de árvores verdes. Nesse caso, se não acreditar, me escreva. Envio a foto original. Se a angústia for mais urgente, ligue, que te conto cada uma das gotas que me coloriram.

*Rodovia Marechal Rondon, 30 de julho de 2009

2 comentários:

Luana disse...

Pois então, eu acredito em você! Que você viu as cores caindo do céu, como se fossem chuva. Não sei dizer ao certo, como, e nem porque.. Mas eu acredito em você!
Pois, estamos todos vivendo, e cada um vive, de uma forma diferente, e enxerga cada pedacinho da vida, do seu jeito, único e especial.
A sua chuva, foi só tua, assim, como a idéia, que cada um tem de chuva!
Beeijos ^^

Carolina Vicentini disse...

Espero que, pouco antes desse pouco que guardou se acabar, você ainda encontre ainda mais chuvas como esta.
E se conseguir dessa vez ainda mais lembranças, por favor, envie um pouco pra mim.