segunda-feira, 4 de maio de 2009

ELES PODEM TER O MUNDO

Mas não é mesmo belíssimo de se admirar? Se meus dedos fossem, eu os pintava! A imagem acima peguei com o celular, e com meu andar nas núvens eu peguei o texto que segue abaixo, do muito bom nao2nao1. Acredito que neste trecho ele sentiu ao escrever exatamente o que meu dedo também ao retratar o abraço e beijo acima:

"Ela na ponta dos pés. Ele avançando o peito. Ela sem entender como ele imobilizou suas duas mãos com apenas um braço. Ele pressionando o abdômen, colando as pernas, travando o pescoço, puxando o cabelo. Ela asfixiada, querendo ao mesmo tempo fugir e ser pega. O que fazem suas bocas, línguas e lábios, isso não importa."

Onde começa o beijo? Quando os lábios se tocam ou quando os pés se levantam?… LEIA NA INTEGRA "Beijo e sexo são coisas que não existem", 29 Mar 2009, por Gustavo Gitti

2 comentários:

Cris disse...

Santiii, tem um selo pra vc na minha casinha, vai lá...

um beijo.

.

Tainá Facó disse...

Menina, que coisa mais intensa!

É, e sexo não se explica. Não mesmo!